23 de dezembro de 2016

Inversões de Valores (parte 2)

A polícia no Brasil age de forma truculenta em várias questões, não resolve os problemas de segurança e levam insegurança para as favelas, vários dados, fatos, estudos comprovam que a polícia aqui é uma das piores do mundo, a polícia daqui defende só bairros ricos, defende só quem tem dinheiro, defende bancos, defende ladrões milionários e enquanto isso a base da piramide é marginalizada e criminalizada.

Nas manifestações é sempre a polícia que age de maneira brutal e absurda, possuindo armamento e muito mais e a mídia somada a uma parcela da população acreditam que os manifestantes que são o problema, que aqueles que lutam por um mundo melhor, que lutam por coisas coerentes são os que estão errados. A frase do Malcolm X, todo mundo já deve conhecer por ser tão verdadeira:

“Se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo.” Malcolm X


E aqui o amor pelos opressores é absurdo, eles amam e os defendem, não entendem sobre os jogos políticos dos quais fazem parte.

Alguém precisa entender que ser contra a policia militar, ser contra a sua forma de treinamento não significa que deixamos de ser contra o assassinato de policiais em horário de trabalho e principalmente fora do horário, pra mim, policial trabalhador é aquele que além de ser policial está ciente de que é cidadão, não abusa do poder que tem, não reprime outros trabalhadores e faz o seu trabalho como ele deve ser. Já li matérias que policiais assumem que o treinamento militar embrutece o homem, tira dele toda forma de sentimento que ele possa ter e é basicamente isto que se afirma na realidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário